10 Dicas para Dominar o Mercado de Divisas

dicas para Dominar o mercado ForexSaiba quais são as 10 dicas fundamentais para dominar o mercado de divisas. Prepare-se para ganhar dinheiro neste mercado financeiro. Experimente!

O mercado forex é o mercado financeiro mais líquido do mundo, onde se realizam diariamente um total de transações diárias superiores a três biliões de dólares. Para que tenha uma ideia, este valor é 30 vezes o volume de negociação diária da bolsa de valores mais popular do mundo – o Wall Street. Isto quer dizer que, num só dia o mercado de negociação dos principais pares de divisas tem o mesmo volume que Wall Street, durante um mês. É mais provável que muita gente pense que para ser um bom trader, é necessário contar com experiência em gestão de capital ou ter uma licenciatura em economia. Contudo, é completamente mentira isso, já que existem muitos traders que começaram a negociar divisas e não têm licenciatura em economia ou experiência a gerir capital. Continue lendo para saber as dicas fundamentais para dominar o mercado.

Como dominar o mercado forex

Neste artigo são apresentados os factores fundamentais para ter sucesso neste mercado. Para si, temos uma notícia boa e outra má. A boa é que estes factores não são difíceis de aprender. A má é que, colocarão em prova a sua capacidade de execução. Não deve perder tempo a procurar fórmulas complicadas ou “mágicas” para tornar realidade os seus objetivos. Coloque em prática estas dicas:

  1. Plano de trading – Como acontece com a criação de um negócio, em que precisa de realizar um plano de negócios completo, para negociar com sucesso requer planificação e um estudo prévio. Com isto em mente, você terá que realizar o seu próprio plano de trading seguindo umas normas estabelecidas, que podem ser obtidas através da sua experiência com este mercado financeiro ou através de uma escola de trading, definidas segundo a análise de resultados do seu próprio backtesting, para provas que você é capaz de levar em frente e confiar nele.
  2. Backtesting – O backtesting consiste em testar um par de divisas em concreto, de forma a estar pronto para aplicar regras de entrada e saída como se estivesse a negociar em tempo real. Existem programas que podem ajudar a fazer um bom trabalho, e um desses é o Forex Tester, que permite navegar entre gráficos históricos e realizar testes, como se estivesse a negociar em tempo real. Desta maneira, você pode observar a quantidade de pips ganhos ou perdidos, assim como o número de operações ganhadoras ou perdedoras ao longo do tempo de teste. Também poderá utilizar as contas demo disponibilizadas pelas principais corretoras.
  3. Diário de trading – Lembra-se da última posição que abriu no fim do mês passado? Lembra-se do número de vezes seguidas que perdeu dinheiro pelo mesmo motivo? Quando e porquê? Todos temos uma memória limitada, pelo que o mais provável é que você tenha respondido negativamente a estas últimas três perguntas. Este diário vai ajudar-lhe a evitar cometer os mesmos erros.
  4. Horário de negociação – Uma das principais características do mercado forex é que está 24 horas aberto, e oferece um trading contínuo desde domingo à noite até à noite de sexta-feira (na Europa). Uma das vantagens é que você pode operar em qualquer horário e em qualquer lugar. Contudo, pode ser perigoso se você não for o suficientemente disciplinado e constante na hora de escolher o seu horário de trading.
  5. Gestão de capital – Podemos dizer que a gestão monetário é o fator principal e o que verdadeiramente o vai diferenciar da aplicação da sua estratégia de negociação. Assim, você pode ter uma metodologia mais ou menos regular e convertê-la, graças a uma gestão de risco fantástica, num plano de trading lucrativo.
  6. Falsas expetativas – Um dos principais problemas que os traders enfrentam nos primeiros meses de vida são as falsas expetativas sobre os retornos do investimento que é possível conseguir. É fácil de ver publicidade enganosa na Internet, rentabilidades astronómicas de concursos ou algum comentário num fórum sobre milionários instantâneos. Por isso, é importante saber que, embora seja possível, ter essas rentabilidades não é habitual.
  7. Controlar emoções – Uma das coisas essenciais, mas que muitas vezes os investidores iniciantes esquecem, é saber controlar as emoções. Ao princípio as suas preocupações centram-se em comprar ou vender, se perco ou ganho, e deixa de lado o mais importante, e que está ligado à sua personalidade.
  8. Mercado profissional – À relativamente pouco tempo e graças às novas tecnologias, que podemos usar para aceder e operar facilmente nos mercados financeiros e profissionais, é possível investir o seu próprio dinheiro. Agora bastam 100€ para começar a investir!
  9. Hábitos Pessoais – A profissão de trading vem habitualmente acompanhada com maus hábitos de vida. Como ninguém ignora, é fácil passar horas em frente ao PC, o que provoca uma vida sedentária. Assim mesmo, e para não querer perder nem um minuto da ação do preço, é fácil entrar na dinâmica pouco saudável de saltar refeições ou comer comida rápida. É importante que você modifique os seus hábitos pessoais para poder estar em bom estado, tanto físico como psicológico.
  10. Trading Intradiário / Trading a Longo Prazo – Depois de ter decidido começar a negociar divisas, é importante que tenha bem claro qual a sua modalidade favorita. Você pode escolher entre três opções: longo prazo, intradiário ou scalping. Em termos de longo prazo, você abre posições para fechar daqui a uns dias ou semanas, enquanto no intradiário você abre posições e fecha no próprio dia – ideal para evitar o pagamento de swaps. Por último, caso você goste de aproveitar a volatilidade do mercado, o scalping é ideal para si, pois neste estilo de trading você abre posições e fecha posições em alguns segundos ou minutos, de forma a aproveitar o ganho de alguns pips para fazer crescer a sua conta forex.